Arquivo da categoria: Imagens

do “Princípio de Le Chatelier” – mandala & letras por Clarice Villac

  Princípio de Le Chatelier:  “Quando um sistema sofrer alguma perturbação externa, o mesmo tenderá a se ajustar de modo a minimizar os efeitos desta perturbação.” *** Ok, mas é preciso lucidez & sensibilidade para perceber se a Vida pulsará … Continuar lendo

Publicado em Crônicas, Imagens, Prosa | Marcado com | 2 Comentários

My Way – mandala & poema por Clarice Villac

My Way em meio aos cacos do caos semeio encontros de paz em meio aos dentes destrambelhados vorazes o susto e com muito custo reconstruo possibilidades de luz em meio à barulhenta cidade recolho silêncios desenho silhuetas amigas em meio … Continuar lendo

Publicado em Imagens, Poesia | Marcado com , , | Deixe um comentário

Viva 18 de Abril: Aniversário de Monteiro Lobato! – arte de Rui Miranda Cerqueira; poema de Clarice Villac

Dia 18 de Abril, é dia importante de fato, aniversaria Monteiro Lobato ! Criador inesquecível do Sítio do Picapau Amarelo intérprete do invisível, amigo das crianças, bichos, sacis Pioneiro, pai de nosso imaginário irreverente, pensamento livre Transporta crianças de todos … Continuar lendo

Publicado em Imagens, Poesia | Marcado com , , | Deixe um comentário

As pessoas & seus silêncios – versos de Alejandra Veruschka & Clarice Villac; cartum de Klaus Pitter

Las personas tienen miedo de sí mismas, de su realidad, de sus sentimientos Alejandra Veruschka – Bolívia E, por isso, falam falam falam pra não terem tempo de ouvir seus próprios silêncios… Clarice Villac – Brasil Imagens: Foto do Rio … Continuar lendo

Publicado em Imagens, Poesia, Uncategorized | Marcado com , , | Deixe um comentário

Lua Cheia na Praia de Itaúna – Saquarema, RJ – foto de Celso Pestana de Aguiar; poema de Clarice Villac

avançando pelo dia – em desafio ao riscado geométrico dos fios – insuperável Lua Cheia !     poema de Clarice Villac foto de Celso Pestana de Aguiar: Praia de Itaúna – Saquarema – RJ 04.12.2017

Publicado em Imagens, Poesia | Marcado com , | 2 Comentários

Joões-do-mato – desenho de Carla Pilla; lenda pesquisada por Clarice Villac

Joões-do-mato São pequenos duendes, que têm o corpo quase todo coberto por folhas. Os jovens têm folhas verdes e tenras; quando mais velhos, são amareladas. Carregam sempre um potinho de barro ou saquinho de couro, cheios de sementes de variadas … Continuar lendo

Publicado em Contos e Lendas, Imagens, Prosa | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Um haiquase e outro quase – desenho de Leila Rangel-Rangelda; haiquases de Jiddu Saldanha e Clarice Villac

Mais um dia e meus pés se arrastam nos cacos da utopia… – Jiddu Saldanha 07.11.2017 mas sonhos rebrotam até nos cantos mais tristonhos… – Clarice Villac 08.11.2017 Led Zeppelin – Stairway To Heaven Live The Song Remains The Same … Continuar lendo

Publicado em Imagens, Poesia | Marcado com , , , | Deixe um comentário